Segundo IEPTB-PR, mais de 65% das dívidas protestadas são resolvidas em até três dias

Todos os dias, pessoas físicas e jurídicas de todo o Paraná reclamam de mais de 3 mil calotes em cartórios do Paraná. O número é referente aos protestos registrados nos Tabelionatos de Protesto do Estado, que desde 2015 registram uma média de 100 mil títulos de dívida encaminhados à protesto com o objetivo de recuperação de créditos.
De acordo com o Instituto de Estudos de Protesto de Títulos do Brasil – Seção Paraná (IEPTB-PR), mais de 85% desses protestos são referentes a duplicatas de venda mercantil, ou seja, boletos. Contudo, o presidente do IEPTB-PR, João Norberto França Gomes, destaca que qualquer tipo de documento que comprove a existência da dívida, como cheques e contratos, podem ser protestados.

Para acessar a reportagem completa do jornal Bem Paraná clique aqui.