A prefeitura de Balneário Camboriú vai protestar em cartório os devedores. A medida é para tentar recuperar parte dos R$ 500 milhões que integram a dívida ativa, sem apelar para o Refis _ alternativa adotada pela maioria das cidades da região para reaver créditos, em que o município abre mão de multas e juros.

Clique aqui para conferir a matéria completa.